terça-feira, 5 de abril de 2011

PRA SEMPRE



Um amor se foi real nunca termina.
Mesmo longe se faz presente,
Entra por dentro da alma,
Criando raízes nas entranhas,
Um amor se foi temperado de paixão invade o físico e a mente,
Se faz presente nos pequeninos acontecimentos,
Não tem borracha que apague.
Lembra-se dele é reviver dias realmente vividos,
Traz de volta o sentido da existência,
Na certeza de que o amor real foi eternizado.
é existiu não foi insignificante,
sendo intenso enquanto vivido,
nós levando ao encontro consigo mesmo.
Um amor assim conversará baixinho em seu ouvido, 
para restos da sua vida.
Te aconselhar...tem o poder sobre o seu sim ou não,
Não te deixa sem um amigo,
Foi mais ficou...e parte do seu inconsciente preenchido de palavras de carinho ditas,
Fantasma leve, flutuante em sua mente,
Acorda contigo, passa o dia ate admirar, te faz companhia ao deitar.
Um tesouro preso num baú sem senha... ninguém te roubará...nem tomará teu lugar.
Te iluminando...repondo sua energia...
Sem por isto te impedir de viver novas aventuras,
Pois te eleva a auto estima...te devolve a vontade de viver,
Margareth Cunha