terça-feira, 5 de abril de 2011

DESTRUIÇÃO

Palavras...Palavras
Machucam, ferem, deveriam se pronunciadas para curam e elevam
Mas por vezes sugam, afundam, verdades, falsa verdades,
Dói, dói,
Mentiras, que enganam, meia verdades,
Verdades escondidas,
Quantas coisas erradas, quantas, quantas, quantas,
Magoas, magoas, magoas,
Acumulas,
Transbordam,
em palavras
e simplesmente , tornam um tom agressivo, palavras, palavras, palavras,
Destruição,
Apaga consciência,
dupla destruição,
de quem pronúncia, de quem escuta,
Palavras, palavras,
Jogadas,
Destruições de paredes firmes,
Destruição de sonhos,
Destruição de um do outros, dos dois.
De tudo a sua volta,
De quem fala, de quem ouve,
Dor dos demais em volta,
Inocentemente, escutam gritos, sem decifra códigos!
Destruindo
Indo
Se indo
Acabando
Consumindo
Sumindo
Explodindo.
Cadê eu, Cadê você?
Onde, onde, onde...longe
Cadê a família,
Um cala lá, outro cala cá.
Cadê?
Onde está?
EU VOCÊ.
NÓS
Fala , vai se Calar agora?
E preciso dialogar,
usar as palavras.
Gritos, gritos, gritos e mais gritos
MEU SEU
NOSSOS
Vazio, dor, muita dor
Silencio!
A porta bate ...breve Paz!
                           Margareth Cunha

Um comentário:

Miriã disse...

Nossa, esse diálogo é incrível!!!

Amei....mto profundo!